Carille freia empolgação, mas diz que não tem como não acreditar no Corinthians

0
25
Carille admite que desempenho do Timão está acima do esperado (Foto: Agência Estado)

Após vitória importante diante do Grêmio, técnico afirma que momento é de seguir com os pés no chão, mas destaca que a campanha tem convencido os críticos sobre a qualidade da equipe

Com a vitória por 1 a 0 sobre o Grêmio, neste domingo, em Porto Alegre, o Corinthians abriu quatro pontos de vantagem sobre o time gaúcho na liderança do Brasileirão. Além disso, chegou a 23 partidas de invencibilidade na temporada e, passadas dez rodadas do Brasileirão, coloca-se cada vez mais como favorito ao título nacional.

Técnico do Timão, Fábio Carille tenta frear a empolgação, mas sabe que os holofotes da imprensa e dos torcedores de todo país estão voltados para a sua equipe.

– O pessoal já está acreditando no Corinthians. Não gosto de ler muito, assistir, mas as notícias chegam. Não tem como não acreditar agora, por tudo que está acontecendo. O discurso nosso? Isso vem muito de fora para dentro. No começo do ano tinha aquela história de quarta força. Será que Cássio é menos do que os outros? Fagner? Jô chegou a uma Copa porque é bonito? Eu olhava aquilo e ficava quieto, não levava ao grupo. Agora, essa empolgação de fora, também não levo.

Em 10 jogos no Brasileirão, o Corinthians acumulou oito vitórias e dois empates. Restam ainda 28 rodadas pela frente, fato destacado pelo treinador, que pede atenção e diz que o caminho para o título é longo.

– Tem muita coisa para acontecer. Num Brasileiro, se você consegue quatro vitórias, faz 12 pontos seguidos. É muito cedo para falar sobre qualquer coisa. Temos de chegar embolados nas últimas oito, dez rodadas. Conseguimos pontos acima do esperado. De 30, conseguir 26? É muito difícil.

Foi a primeira vez que o Corinthians conseguiu vencer o Grêmio na arena gaúcha. Desde 2013, havia perdido quatro partidas e empatado uma, pela Copa do Brasil, que marcou uma eliminação. Carille concorda que o resultado traz uma motivação enorme para o grupo.

– Uma vitória desse tamanho é importante para o grupo inteiro. Passamos por algumas etapas que nos fortaleceram muito. Jogo contra o Palmeiras, vitória de 3 a 0 sobre a Ponte, em Campinas (ambos pelo Paulistão). É claro que uma vitória aqui dentro nos deixa muito fortalecidos. Seguimos com os pés no chão, humildade e continuando com nosso trabalho – disse o técnico.

O Corinthians volta a campo na quarta-feira, pela Sul-Americana, diante do Patriotas, da Colômbia, às 21h45 (horário de Brasília). No Brasileirão, recebe o Botafogo, domingo que vem, às 16h, em Itaquera.

Globoesporte.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui