Caravana da Esperança da IBBN leva centenas de fiéis à Vila Cachoeirinha

0
988
Pastor Emerson Feitosa diz que proposta é a propagação do evangelho de Jesus e “levar esperança para as pessoas” - Foto: Laurence Lucius

Em uma época na qual a palavra “crise” atemoriza muitas famílias, frequentemente, em diversos âmbitos, falar em esperança parece ir à contramão dos fatos. No propósito de levar esperança e a Palavra de Deus às famílias, jovens e adolescentes, a Igreja Batista Boas Novas – IBBN – promove a Caravana da Esperança que, no sábado, esteve na Vila Cachoeirinha.

A Caravana da Esperança é um projeto que Deus colocou no coração do pastor da IBBN, Emerson Feitosa, há 10 anos e ganhou essa estrutura, com a carreta, há pouco tempo. “A proposta é muito simples: a propagação do evangelho de Jesus, levar esperança para as pessoas no Brasil como um todo, aos desesperançados de todas as áreas. Trabalhamos em um contexto fora das paredes religiosas, isto é, não depende de denominações, independente de placa de igreja, nós nos alinhamos na pregação do evangelho”, garante Feitosa.

Quem coordena o evento é o pastor Paulo Balaniuc. Segundo ele, este é um projeto missionário do AMAA (Amigos da África e Ásia), feito com as igrejas dos bairros. “Falamos do amor de Deus para as pessoas, para os jovens que estão nas drogas, nos vícios, no álcool, não queremos pregar uma igreja, mas falar de Deus para os bairros de Dourados, com o intuito de levar esperança à todos”, afirma.

Para o pastor Jeremias Gonçalves, da Igreja Batista Boas Novas Ministério Cachoeirinha, foi um privilégio sediar a Caravana. “Este é um projeto de levar esperança. Nos dias em que nós vivemos, enfrentamos tantas dificuldades, tantas situações que nos desmotivam, que nos faz desacreditar na vida, o propósito é levar esperança em cada lar, para cada coração, a alguma família que muitas vezes está arruinada, ao jovem desacreditado, sem expectativa, esse é o nosso objetivo”, disse.

“Com a participação de muitas pessoas esse evento é um marco para a nossa região da Vila Cachoeirinha, declarando que a nossa esperança é Cristo Jesus, Aquele que realmente pode mudar as expectativas da nossa vida”, enfatiza o pastor Jeremias.

O pastor Emerson Feitoss destaca que a Caravana não é apenas um evento evangelístico, mas também tem o impacto social. “Promovemos ações sociais, atendimento, em algumas cidades conseguimos fazer uma parceria com o Pode Público. Queremos partilhar o evangelho, comunicar o amor de Jesus no sentido de que podemos fazer um mundo melhor se nos preocuparmos um com o outro, cuidar melhor um do outro, isso parte até com um princípio de cidadania. A nossa ideia é unir as pessoas para que vivam de uma maneira melhor”, assegura.

Sarah Gonçalves e Laurence Lucius
Especial para o Diário MS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui