Musicista foi morta à martelada; presos baterista e mais 2

0
28

A Polícia Civil prendeu dois homens suspeitos de matar a musicista Mayara Amaral, de 27 anos, vítima de latrocínio. A dupla tinha como alvo o veículo d a jovem, que foi assassinada a golpe de martelo. Uma colega de Mayara apresentou à polícia um aplicativo que mostra o caminho percorrido pela musicista e o caso foi desvendado.

Conforme a polícia, um dos acusados é baterista e já havia tocado com a jovem. Na casa dele, a polícia apreendeu roupas manchadas com sangue e o instrumento de Mayara. Também aprendeu um computador e o celular.

De acordo com a polícia, o homem identificado pelo nome de Luís confessou que conhecia a vítima e a atraiu para o local, onde ela chegou por volta das 22 horas de segunda-feira. O comparsa dele, Ronaldo, de 30 anos, também estava lá.

A polícia acredita que Mayara foi morta quando percebeu que seria roubada e reagiu. O corpo e os pertences dela foram levados para a casa de um homem de 31 anos.

O corpo da musicista foicou lá por cerca de oito horas. Segundo a polícia, depois de dividirem os objetos dela, eles decidiram levar o corpo para a cachoeira do inferninho, onde atearam fogo.

Martelo usado por criminosos para matar a vítima (Foto: Henrique Kawaminami)Martelo usado por criminosos para matar a vítima (Foto: Henrique Kawaminami)

Luís não possuía passagens pela polícia, mas afirmou ser usuário de droga. Já os outros dois,têm extensa ficha criminal, entre crimes tráfico de drogas e roubo à mão armada.

Ainda segundo as investigações, Luís foi o autor da mensagem enviada à mãe da vítima que tentava incriminar o suposto namorado da vítima.

O trio será indiciado por latrocínio, com pena de até 30 anos, e ocultação de cadáver, pena de 3 anos.

Informações ou denúncias que possam ajudar o trabalho policial, devem ser repassadas pelos telefones: Polícia Militar: 190; Polícia Rodoviária Federal: 191; SIG: 3411.8080; DOF: 3411.8080; Defron: 3410.4800; Polícia Federal: 3410.1700 e 3420.1757; Polícia Civil – 1º Distrito Policial: 3411.8060; Polícia Civil, 2º Distrito Policial: 3424.6911 e 3424.5633, Guarda Municipal: 199; Polícia Militar Ambiental (PMA): 3357-1500– 9905-7763 – vivo – WhatsApp/ 9106-8628 – Claro / 8171-4270 – (Tim)/ 8475-0553 (Oi).

Dourados Agora

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui