Suposto “mensalinho” pago a vereadores entra na mira do Ministério Público

0
23

O Ministério Público Estadual vai investigar a denúncia realizada pelo vereador Juliano Barros Donato (PR) sobre um suposto pagamento de mensalinho feito pelo prefeito de Ivinhema, Eder Uilson França Lima, o Tuta (PSDB), relembre aqui.

A afirmação do parlamentar ocorreu na sessão de segunda-feira (18), durante sessão da Casa.

De acordo com o MPE, a denúncia foi protocolada na sede da Promotoria de Justiça de Ivinhema, no dia 19 de setembro de 2017, às 13h29 e resultou na instauração de uma Notícia de Fato.

A promotoria até determinou diligências para angariar outros elementos na intenção de verificar a situaçã e a necessidade ou não da adoção de outros procedimentos.

Ainda conforme o MPE, todas as medidas cabíveis estão sendo analisadas e adotadas para apurar os fatos e as condutas imputadas às autoridades.

Veja abaixo vídeo do pronunciamento do vereador. As imagens são do Ivinotícias.

Dourados News

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui