Turista é multado por gravar vídeo e maltratar sucuri em pousada

0
17

Policiais Militares Ambientais de Corumbá autuaram nesta terça-feira, dia 19 de setembro, o autor da infração relativa a um vídeo que circulou em redes sociais, mostrando um turista em atividade de apanha de espécime da fauna silvestre. No vídeo, o infrator manipula uma serpente sucuri sem a devida permissão, licença ou autorização do órgão ambiental competente, o que é crime.

Em levantamentos, a PMA de Corumbá chegou até uma pousada localizada no Distrito de Albuquerque (Baía dos Periquitos) e o proprietário informou que o grupo realmente gravou o vídeo no local e que o autor residia em Divinópolis, Minas Gerais.

Com as informações, os Policiais conseguiram identificar o autor da infração ambiental. Ele foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 500,00. O infrator também responderá por crime ambiental. A pena é de seis meses a um ano de detenção.

A pousada não possuía licenciamento ambiental e o proprietário também foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 2.000,00 por funcionar estabelecimento potencialmente poluidor sem a devida licença do órgão ambiental competente. As atividades da pousada foram interditadas, até possível regularização.

Dourados News

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui