Em meio a atritos e shows, Neymar iguala mês mais artilheiro da carreira

0
19

Janeiro termina nesta quarta-feira, e ao longo de seus 31 dias Neymar fez nove gols. À primeira vista, pode parecer corriqueiro para o craque, mas não é. Trata-se da melhor marca de sua carreira, um número alcançado antes apenas uma vez, em abril de 2013.

O mês mais artilheiro da vida de Neymar veio acompanhado de exibições tão grandiosas quanto o volume de conflitos em que o atacante se envolveu. Com a camisa do PSG, ele fez seis gols no Campeonato Francês, dois na Copa da França e um na Copa da Liga, torneio pelo qual ele disputou a semifinal contra o Rennes, na última terça.

Os 9 gols de Neymar em janeiro/2018:

  • 7/1: Rennes 1×6 PSG (Copa da Liga) – 2 gols
  • 10/1: Amiens 0x2 PSG (Copa da França) – 1 gol
  • 17/1: PSG 8×0 Dijon (Campeonato Francês) – 4 gols
  • 27/1: PSG 4×0 Montpellier (Campeonato Francês) – 2 gols

Fato raro, Neymar não marcou na vitória por 3×2. Meunier, Marquinhos e Lo Celso fizeram os gols do PSG. O brasileiro poderia ter chegado a 10 gols num mês, inédito em sua trajetória, mas saiu de campo com um cartão amarelo e mais gestos e declarações que vão dar o que falar.

Dessa vez, ele fingiu que daria a mão para ajudar o meia Sarr, do Rennes, a se levantar, mas recuou e riu. Criticado nas redes sociais e na imprensa europeia, defendeu-se. Disse que estava brincando.

Um pouco mais tarde, Neymar deixou claro que não gostou da saída do atacante Lucas, seu amigo pessoal, mas que tinha poucas oportunidades na equipe, do PSG para o Tottenham.

A marca de nove gols no mês foi turbinada pela goleada por 8×0 sobre o Dijon. O brasileiro marcou quatro vezes, um deles numa cobrança de pênalti que a torcida gostaria de ver feita por Cavani. O uruguaio estava a um gol de se isolar como o maior goleador da história do PSG, mas Neymar bateu, converteu e recebeu vaias da torcida. Tite, técnico da seleção brasileira, considerou o episódio uma injustiça em entrevista ao GloboEsporte.com.

Há quase cinco anos, em abril de 2013, quando também alcançou a marca de nove gols, o craque também fez quatro num jogo só: o triunfo do Santos por 4×0 sobre a União Barbarense, no Campeonato Paulista. Aquela sequência teve dois amistosos da Seleção, contra Bolívia e Chile.

Os 9 gols de Neymar em abril/2013:

  • 4/4: Santos 1×1 São Caetano (Campeonato Paulista) – 1 gol
  • 6/4: Bolívia 0x4 Brasil (Amistoso) – 2 gols
  • 13/4: União Barbarense 0x4 Santos (Campeonato Paulista) – 4 gols
  • 17/4: Santos 2×0 Flamengo (Copa do Brasil) – 1 gol
  • 24/4: Brasil 2×2 Chile (Amistoso) – 1 gol

Aquele seria o penúltimo mês de Neymar no Peixe. Entre fim de maio e início de junho de 2013, ele se apresentou ao Barcelona e partiu para a disputa da Copa das Confederações, da qual sairia campeão e eleito o melhor jogador com a camisa da Seleção.

No próximo dia 3, o atacante e o PSG enfrentarão o Lille, fora de casa, pelo Campeonato Francês. Será o primeiro jogo de um novo mês que promete mais espetáculos de Neymar com a bola e arestas a serem criadas e aparadas entre ele, adversários e torcedores franceses.

Globo Esporte

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui